sábado, 22 de agosto de 2009

É B R I O




Qual o que por curiosidade
Decifrará esse poema
Que escrevi
Por linhas travessas?

Qual o que, desarvorado
Se embriagará do meu vinho
Feito um poeta de Tasca,
De amor muito penado?

Qual o que arrependido
Erguerá o cristal
Em que baco bebeu as angustias,
e nunca recuperou o sentido?

Qual o que genuflexo
Se libertará dos complexos
Suicidando com alcool
De manhã até o por do sol?

Qual o músico que
Tocará a marcha fúnebre
No cortejo de um Bêbado
Achado morto em seu casebre?

Qual o que a horas mortas
Me abrirá todas as portas
E compartilhará comigo
O meu vício antigo?

Qual por fim
Se tornará Prometeu
Num holocausto infecundo
Que pela chuva nem vela ardeu?


4 comentários:

AFRICA EM POESIA disse...

Venho dizer que
gosto de passar por aqui
Beijos

Layara disse...

Tal qual uma vela queimando ao vento
Nossas vidas vão
Com o gosto da última gota de absinto nos lábios
Tal qual o amargo da losna na alma
Vivemos e sentimos o torpor no dia seguinte, sóbrios.
Sobramos as margens de nós e de nossos pensamentos.

Bom dia!

Um beijo!

Walkyria Suleiman disse...

Ah Tácito, quem será o meu Prometeu? Seremos nós mesmos o nosso próprio sonho? Quem chamamos nas noites eternas?

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,