quarta-feira, 10 de junho de 2009

O A M O R E S T Á N O A R .


Junho...
Inverno...
Namorados...
Música ao fundo...
" And all my life l´ve prayed for
some one like you..."
Casal romântico
correndo na praia, slow motion.

Manhã de inVERno
o baque e o ai!
pacotes e o chão,
desculpe!
mau-humor sem resposta
recolhemos os pacotes
e o chão, não.

"You turned my life around..."
Em minha mente te perdes
te perco
sempre acho tua semente
ainda você
ainda somente.

Não te procures nos meus poemas,
não há espelhos em folhas de papel.
Encontram-se mais fácil no ar,
nos olhos.
Leve breve mente encontrados.

Até surpreendente
brilho inesperado
por que?
Olhos casuais
perdidos
nos quadros das coisas.

Namorados se dando as mãos
e a rotina,
vizinhos sorriem,
o homem que puxa um cigarro e fuma.
Poema para sua existência,
minha desistência.

Outra canção de amor,
já se anuncia.
" O amor é um grande laço, um passo para uma armadilha..."
A vontade de escrever não para,
já sinto a melancolia,
a inspiração resume
o amor em tudo está,
como um perfume...

Beijos que nos damos,
e esse perfume conosco...
Persistiu em muitos anos.